sábado, 17 de março de 2012

Quem são as fadas na verdade?

        As fadas são uma raça de donzelas imortais, às quais os primitivos nativos da Itália davam o nome de "fatue". O culto medieval siciliano das fadas, bem documentado pela inquisição espanhola, estava associado à deusa Diana, que os italianos há muito tempo já chamavam de " A rainha das fadas ". Diana era cultuada na Itália no lago Nemi, onde outrora existira seu templo ( 500 A.C). As fadas italianas formavam grupos chamados de " companhias ", como a "companhia dos nobres" e a " companhia dos pobres ". Tanto os homens quanto as fadas pertenciam a estas companhias, que eram essencialmente matriarcais, embora se encontrassem nelas elementos masculinos. Essas fadas possuíam o poder de abençoar os campos, curar doenças e atrair a boa sorte. Somente através de preciosos presentes, podia-se aplacar a ira de uma fada e livrar-se de seus encantamentos. Tais oferendas só seriam aceitas se depositadas através das mãos de mulheres humanas. Porém, o mais antigo registro das fadas, retratadas como pequenos seres alados, surgiram na arte etrusca à cerca de 600 A.C , na forma de " Lasa ", espíritos do campo e da floresta. As Lasa eram descritas como pequenos seres humanos alados que flutuavam sobre um recipiente com um incenso ou uma bacia votiva. Estas primeiras fadas, estavam também associadas ao culto dos ancestrais e eram encontradas nos templos etruscos. Estavam ainda, identificadas com a vegetação e com os segredos da natureza. As imagens das fadas só vieram a surgir na arte celta após a ascenção do cristianismo, ou seja, depois da ocupação. Hoje, acredita-se que o povo de Thuatha de dannan está associado ao Reino das fadas. Isso se deve a sua misteriosa aparição às ilhas britânicas envoltos em brumas. Lá econtraram o povo Fir Bolg, os quais derrotaram na batalha de Moytura. Posteriormente, quando os celtas invadiram a Grã-Bretanha ( 600-500 A.C ), os Tuatha de danann desapareceram nos montes e bosques. Está é a origem na crença de que as fadas habitam as áreas rurais. As lendas dos mitos celtas foram preservados em textos como " Mabinogion", o " Livro branco de Rhyderch " ( 1300-1325) e o " livro vermelho de hergest" ( 1375-1425). Todas as culturas européias, entretanto, possuem folclore envolvendo fadas. E, apesar das crenças sobre as fadas diferirem de uma cultura para outra, há dois conceitos básicos universais a todos: a distorção do próprio tempo e as entradas ocultas ao mundo das fadas.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...