sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Paralda e o elemento Ar


 
Elemento Ar

AR é o sopro divino do Espírito, a habilidade de se mover através do espaço e do tempo, e a sabedoria que vem da experiência e do estudo.
Onde a magia da Terra presta-se a manifestar as coisas, magias do ar são para variedades, estudios mentais: o envio de mensagense magias do tempo.
Conectado ao elemento AR é bom para escrever histórias, artigos, poesias, tomar notas, compor música, estudar tudo e qualquer coisa, traz clareza de pensamento.
O ar é a brisa suave em seu rosto que faz você se sentir tocado.
Acredita-se em mudança através do espaço e tempo, e no contato com o Divino pelo elemento AR.
O ar é a parte da sua mente que é clara e nítida e focada sempre em mudança, nunca parado e nunca com único conteúdo, mas sempre varridos dentro de outra brisa e movido ao longo da corrente do tempo.

Ar
Direção: leste
Hora do dia: amanhecer
Época do ano: Primavera
Ferramentas: espada, athame / incenso
Tarô: espadas
Signo: Libra, Aquário, Gêmeos
Cor: amarelo e azul
Anjo: Raphael
Elemental Rei: Paralda
Elementais: Silfos e fadas
Palavra: “à vontade”


Trabalhando com ar …
Trabalhar a Palavra:
Uma palavra-chave evoca uma imagem na mente do elemento e estabelece uma ligação com o elemento Ar pode ser “intelecto”, ”velocidade”, etc… fica a seu critério.
Deuses “Hermes” e “Mercurio” são ambos associados com o ar. Em um feitiço, use seus nomes para enviar uma mensagem, acelera a velocidade de um feitiço.
Seres Elementais são os silfos e fadas …
Chamando os Silfos você pode empurrar algo longe de você ou puxar algo para você.
Chamando as Fadas você cria atividades de cura e de criatividade.
O “AR” pode ser usado para dizer se os espíritos que invocou entraram no espaço de seu feitiço se está trabalhando.
Sopre no seu feitiço para preenchê-lo com o “sopro de vida”.


Pequeno Ritual:
Escreva a sua magia em uma fita e amarre-a em uma árvore, onde o vento pega, área externa.
Deixe-a amarrada num período espetacular, tipo durante uma lunação (30 dias).
Trabalho de magia durante as tempestades têm potência extra.
Informações Básicas:
Quando trabalhamos com a Ar nós trabalhamos com o sopro divino do Espírito, cria-se habilidade de se mover através do espaço e do tempo, e uma sabedoria adquirida com a experiência.
O elemento AR favorece a ida e a volta de uma magia.
Mesmo sem elaborar um ritual, experimente fazer um desejo ao se deparar com uma brisa que passa por você.
 

Simbologia Astrológica:
Libra ar … Lua em Libra, em movimento precoce, fase de justiça e criar toda arte.
Aquário ar … Lua em Aquário, como fixa sobre a terra, compromisso imediato.
Gêmeos ar … Lua em Gêmeos, que muda de direção, aviso de mudança.
Os três signos possuem grande “intelecto” e “velocidade”.
Simbolo do sexo masculino
Expressão e Dedicação.


Silfos e Fadas

 Os elementais do ar são dirigidos por um deva, um ser mais evoluído  e de rara beleza, cujos raios áuricos desenham asas. Cada portal é guardado por um deva, ou anjo de uma categoria elemental. No caso do ar, seu guardião é Rafael (Rophe-El), o príncipe das virtudes, classe de anjos que detêm o controle das forças da natureza. Sua missão está ligada à missão do homem, e por isso, agem como conselheiros, traduzindo a vontade divina para os homens. São representados carregando um bastão ou cajado. Anjo da cura, Rafael é também o anjo que guiou o jovem Tobias no deserto e é o anjo que deve ser invocado em casos de doenças. Os elementais do ar são liderados por Paralda, um deva superior que obedece ao anjo. Rafael costuma ser visto com uma fina e tênue névoa azul em volta de si, pois é como Paralda se apresenta.

Os elementais do ar são as fadas e silfos e são os principais responsáveis pela "inspiração". Eles gostam de trazer histórias novas à imaginação dos humanos e gostam de imitá-los em roupas e cabelos. Por isso não é estranho que nos relatos de encontros com fadas, estas se pareçam tanto com humanas, utilizando inclusive figurinos semelhantes ao da época em que são vistas.

Fadas são criaturas encantadoras e por isso mesmo, perigosas. Apesar de vários relatos mostrarem encontros amistosos e agradáveis, outros revelam uma faceta sombria destes seres mágicos. Se sentirem que vão lhe fazer mal ou que caçoam delas, tornam-se vingativas e lançam feitiços contra a pessoa, que vão desde a perda do sentido de orientação até o seqüestro para seu reino encantado de onde a pessoa jamais poderá retornar. Algumas pessoas que  desaparecem podem muito bem ter ido para outra dimensão, incluindo o plano das fadas. Lá, o tempo corre de forma diferente. Podemos passar algumas horas agradáveis, mas quando retornamos, muito tempo já se passou e como ninguém foge do tempo, a pessoa vira pó imediatamente ao pisar na terra deste plano. Estes seres da natureza vivem e morrem, e têm uma existência parecida com a dos humanos que eles sempre tentam imitar. Eles são subalternos dos devas maiores, e não têm a natureza responsável destes. Podem ajudar ou não. Depende de quem pede ajuda e como o faz. Para conseguir a ajuda dos elementais a pessoa deve estar em harmonia com a natureza. Antes de realizar qualquer ritual com elementais, é sábio pedir a permissão para o anjo ou deva responsável por eles. Isso torna seu ritual mais seguro. Invoque também o rei elemental. No caso dos elementais do ar, Paralda.

4 comentários:

seres místicos disse...

nossa eu amei ,agora pude perceber que não sabia quase nada de elementais ,sinceramente eu gostei de mais ;mas tenho uma pergunta ,e verdade que se jogamos sal ou açucar no chão a fada ira emediatamente começar a contar quantos gãos tem ?
não importa o quanto afada seja forte ?

obrigada Leilane Gomes

Daniele Araujo disse...

Obriagada pelo seu comentário, Leilane.
Olha, eu acho que esse lance de contar grãos só funciona com vampiros (e aqueles de filmes antigos). As fadas são bem espertas, mas não são muito boas com números. Eu, inclusive, postei algo semelhante aqui no blog. Segundo algumas lendas, as fadas não saberiam contar mais do até 5 ou 7. Enfim, não passaria do dez. Se elas não sabem contar além disso, contariam apenas 10 grãos e então voltariam a sua atividade normal. Fora isso, elas são muitos inteligentes. Com certeza, essa obssessão por contar sementes ou grãos funcionaria melhor com os elementais da terra, como elfos e gnomos.

Carlos Alexandre disse...

Dez de que li sobre os Silfos, percebi que tinha muito da minha personalidade no que eu estava lendo e minha curiosidade nesse assunto ficou cada vez maior.venho pesquisando esse assunto a muito tempo e seu blog foi um dos que mais satisfez a minha curiosidade, alias meu signo é gêmeos, adorei o blog.

Daniele Araujo disse...

Que bom que adorou o blog, Carlos. Muito obrigada pelo carinho.
Por incrivel coincidência, meu signo também é de gêmeos.
Fico muito feliz de ajudar aos outros com o meu projeto. A Dança Das Fadas tem crescido muito últimamente. E é bom saber que as pessoas cada vez mais tem buscado se conectar e se harmonizar com as fadas e silfos.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...